VEM E PEGA NO MEU RABO... DE CAVALO!

(Luciana Drummond)

.

Vem e pega no meu rabo... 

De cavalo 

 

Isso mesmo me pega por trás, você sabe que eu sou tua, porque eu quero ser. Você sabe que fico louca de te sentir crescer, você faz questão de mostrar tua ereção se esfregando em mim e sorrindo com o canto da boca. 

Você adora minha bunda, pega, agarra, me puxa, põe-se entre ela, esfrega, me beija a nuca, puxa meu cabelo, eu empino minha bunda, te faço ficar louco, rebolo. 

Sem pudor, vem me pegar, quero e exijo, de quatro. 

Vem que meu rabo (de cavalo) já está pronto para ser agarrado, vem com força, segura minha bunda maravilhosa, como você mesmo diz, enquanto entra, aproveita a visão, a minha submissão, arranha minhas costas, se debruça sobre mim, me beija as costas, me bate, me toca, olho por baixo para te ver entrar, o espelho ao lado da cama me permite ver o pornô que você estrela ao meu lado, ou melhor, atrás de mim. Me domina, me come, me fode, vem e pega no meu rabo... de cavalo.